Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Tempo Esse Grande Escultor

Um arquivo dos postais que vou deixando no Estado Sentido, mas também um sítio onde escrever outras coisas minhas..Sem Sitemeter, porque pretende ser apenas um Diário, um registo de pequenas memórias...

O Tempo Esse Grande Escultor

Um arquivo dos postais que vou deixando no Estado Sentido, mas também um sítio onde escrever outras coisas minhas..Sem Sitemeter, porque pretende ser apenas um Diário, um registo de pequenas memórias...

Procuro no fim da memória,

Cristina Ribeiro, 07.11.09

 

e só encontro um postal desbotado: toda a gente da aldeia, reunida na frente da capela de Santo Amaro, bancas de venda de cavacas e regueifas; as crianças que acorriam ao local da « Pesca », com a esperança de trazer na cana, mergulhada no serrim, uma figura de barro pintado, talvez de Barcelos, ou, se tivessem sorte, uma boneca para as raparigas . Era este o único atractivo, além de ser mais uma ocasião de encontro. Festejava-se o Santo. Embora o Padroeiro seja aquele São Martinho de Tours, as gentes de Sande sempre tiveram por ele uma grande devoção , e ali, à capela que lhe é dedicada, acorrem, também, as populações das freguesias vizinhas, no fim-de-semana que se segue ao dia 15 de Janeiro.

 

Janeiro de 2009

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.