Terça-feira, 20 de Outubro de 2009

 

dizia de si para si o Jerónimo, encostado ao carvalho, enquanto mirava, disfarçadamente, o grupo de dançarinos, que se formara no terreiro, assim que se ouvira o som da concertina e do cavaquinho. De palha na boca, a brincar com o ramo de alfádega, num fingimento de nada lhe importar, ia botando os olhos à Mariana: que arisca lhe saira...

Mas eis que os olhos dos dois se encontram, deixando-a mais vermelha do que uma romã...

Ah ! então é isso ; estás a fazer-te de cara...; sempre o meu pai me disse que quem desdenha quer comprar...".


tags:

publicado por Cristina Ribeiro às 20:57
Ui, ui! Se é bem verdade.
manuel gouveia a 21 de Outubro de 2009 às 10:36

Seja qual for o visado, não é, Manuel?

manuel gouveia a 21 de Outubro de 2009 às 13:46

Um arquivo dos postais que vou deixando no Estado Sentido, mas também um sítio onde escrever outras coisas minhas..Sem Sitemeter, porque pretende ser apenas um Diário, um registo de pequenas memórias...
mais sobre mim
Outubro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

15


31


links
pesquisar neste blog
 
tags

todas as tags

blogs SAPO