Domingo, 26 de Dezembro de 2010

disse em 1957 uma Golda Meir conhecedora do que estava - e está - em causa numa guerra de que se vislumbram sinais do fim, apesar dos apelos que, em cadeia, se multiplicam por esse mundo todo, como aquele que ontem mesmo o Papa enviou aos políticos do Oriente Médio,  ciente de que ali naquele pedaço de terra se ateou uma fogueira que a todos pode queimar.

Este caso mostra que o amor a que ela aludia é ainda uma miragem



publicado por Cristina Ribeiro às 14:41
Um arquivo dos postais que vou deixando no Estado Sentido, mas também um sítio onde escrever outras coisas minhas..Sem Sitemeter, porque pretende ser apenas um Diário, um registo de pequenas memórias...
mais sobre mim
Dezembro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


links
pesquisar neste blog
 
tags

todas as tags

blogs SAPO