Sexta-feira, 20 de Setembro de 2013
" Preciso de ir beber à fonte dos nossos Cancioneiros a água fresca da Língua donzela, a que canta como zagala, nas bailias ágil, matinal nas albas, marinha nas barcarolas. Verbo que ensaia as asas e chalreia, linguagem a fresco, ela me limpa de crostas sobrepostas de adjectivos, da lazeira dos lugares-comuns.
Ei-la, a mezinha adorável - a nossa língua românica, de linho grosso, a doce e rude. E quantas vezes, lendo autores sábios, me lembro dela como o poeta da namorada: " Que soydade de mha señor hei..."


publicado por Cristina Ribeiro às 23:03
Antes passava quase todos os dias pelo estado sentido, hoje muito raramente. Passava porque apreciava os seus textos, as suas fotos, da escrita de John Wolf e mais um ou dois. Achei de extremo mau gosto o senhor Samuel exigir que quem comenta o estado sentido ter de escrever obrigatoriamente o mail, quando os próprios bloguistas não o fazem. Hoje quando passo por lá vejo que nenhum texto é comentado e se a não ser por vocês mesmos. A lógica dos blogs é a discussão de ideias e no estado sentido deixou de existir esse debate. Dá a sensação de ser um blog morto sem vida. Desculpe o atrevimento, mas foi um desabafo.
Ana Teresa a 25 de Setembro de 2013 às 01:33

Obrigada, Ana Teresa. Atrevimento nenhum :)
Beijinho.
Cristina Ribeiro a 25 de Setembro de 2013 às 19:17

Um arquivo dos postais que vou deixando no Estado Sentido, mas também um sítio onde escrever outras coisas minhas..Sem Sitemeter, porque pretende ser apenas um Diário, um registo de pequenas memórias...
mais sobre mim
Setembro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
19
21

22
23
24
27
28



links
pesquisar neste blog
 
tags

todas as tags

blogs SAPO